Formatura do Lucas Lino

Lucas Lino de Holanda poderia ter o sobrenome trocado para Lucas Lindo. Pois seu sorriso contagiante, seu bom humor e seu jeito carinhoso inundaram os corredores da Obra Social Dona Meca por muitos e muitos anos.

Iniciou seu atendimento no ano de 1998, quando ainda era um bebê. Por aqui, passou por quase todas as terapias, projetos esportivos e culturais que a OSDM ofereceu.

Lucas era trazido por sua grande heroína (como ele mesmo diz) e protagonista de sua história… Seu grande exemplo de vida, a pessoa mais batalhadora que ele conhece, que nunca fugiu à luta e sempre buscou superar as dificuldades que encontrava no caminho: sua avó Miriam. Uma pessoa que jamais poderíamos deixar de citar neste texto em homenagem ao querido Lucas.

Ele esteve conosco até completar 18 anos, a data limite para os atendidos na Obra Social Dona Meca.

Por todo este tempo, tivemos o privilégio de acompanhar e fazer parte de sua trajetória de vida. Assim, vimos um bebê se tornar um menino, o menino se tornar um rapaz e, hoje, o rapaz que se tornou um grande homem.

Para nossa alegria, terminou sua faculdade de Administração, em Dezembro de 2020.

E se, aqui, estamos falando dele – e consequentemente da Miriam! – é porque queremos que as nossas crianças e suas famílias compartilhem desse exemplo e que possam realizar muitos dos seus sonhos.

A limitação que não as deixam seguir adiante não é física ou intelectual. Mas, sim, formada por obstáculos como os impostos pela nossa sociedade – que, em sua maioria, ainda não enxerga a pessoa com deficiência com condições de avançar em seus estudos e trabalhos, formar sua própria família e, assim, conquistar cada vez mais autonomia.

Texto escrito por Tânia de Oliveira – Pedagoga da Obra Social Dona Meca – contato: t.oliveira@osdm.org.br

 

 

Outras Matérias que possam te interessar:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: