Fonoaudiologia na Casa Lar Dona Meca

As crianças e adolescentes que residem na Casa Lar Dona Meca apresentam dificuldade de interação e/ou comunicação e, além disso, a grande maioria delas possui algum grau de disfagia. Disfagia é a dificuldade para deglutir, que pode variar de leve (onde o paciente tem dificuldade para deglutir uma consistência alimentar, por exemplo, líquido) a severa (onde o paciente apresenta dificuldade em deglutir a própria saliva). Esta é uma patologia grave, que pode levar à pneumonia por broncoaspiração.

Para favorecer o desenvolvimento das habilidades do sistema estomatognático (sucção, mastigação e deglutição) e a coordenação da deglutição com a respiração, o Setor de Fonoaudiologia atua na Casa Lar Dona Meca duas vezes por semana, monitorando e realizando atendimentos com técnicas específicas, além de orientação semanal à Equipe, a fim de capacitar todos para a realização da alimentação segura. Tais instruções trazem informações sobre textura e temperatura dos alimentos, utensílios a serem utilizados, ritmo e volume de oferta, além de orientações posturais (para antes, durante e depois do momento da alimentação).

Durante a pandemia (Covid-19), o atendimento Fonoaudiológico foi mantido na Casa Lar, seguindo todos os protocolos de segurança. Com esta manutenção, todos conseguiram se manter estáveis ou apresentaram ganhos, minimizando o risco de broncoaspiração e tornando a deglutição mais segura e eficaz.

Além da estimulação da deglutição, a Fonoaudiologia da OSDM também incentiva as interações sociais e vocalizações das crianças, a fim de tornar suas rotinas mais leves, prazerosas e funcionais.

Texto escrito por Raquel Gomes – Fonoaudióloga da Obra Social Dona Meca – contato: r.gomes@osdm.org.br

 

 

 

Outras Matérias que possam te interessar:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: